Aos mestres com carinho

“Há tantos caminhos, tantas
portas, mas somente um
tem coração” (Raul Seixas)

espasmos de fantasmas    que nos rodeiam
luzes que tremem sem vento    cachaças
com água até a borda    batidas de limão
tomados em esponjas verdes queimadas

na fumaça de cigarros proibidos    bebidas
ilegais fazem a festa    no apartamento 202
à espreita no escuro    eletrodomésticos
voando pela janela do banheiro    enquanto

aparelhos de barbear dormem extasiados
pois fizeram o trabalho duro    remoção
de pelos    redução de peso    retração da bolsa
compulsão por prejuízo    ajuizando uma ação

queria tomar teu chá e voar para longe.
almejo pensamentos que me tirem do lugar;
o som que me chega é estripulia esperando,
o jeito é beber mais e esperar pra ver...

virar a página    atirar na parede   fuder o
manequim    correr para perto do fogo
fujir de fogos de artifício    pular do quarto
andar    queimar em febre    viver na loucura

24/10/2009
Anúncios

Sobre hilam

Ainda em processo de construção humana, mesmo com mais de 40 anos de idade...

Publicado em 23/01/2010, em Poesia. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: