Série Escatológica V

enregelado

AMOR NOVO

Procuro um amor novo, como um adolescente.
O amor antigo ressequiu à força do vento,
indagando onde teríamos descoberto os
corações, para que regelassem de frio.

À tarde, passeando num porto desconhecido,
fio-me nas lembranças que me restaram:
ainda guardo calor em meu pequeno corpo,
capaz de arrefecer móbiles emotivos.

Não faço questão por quase nada, Deus,
mas dá-me novamente minha senhora,
que refrescava este teu ente febril!

Guarda-me de favores interesseiros,
guia-me por ruas pouco iluminadas
e engana-me com o som que fazes à lua…

Anúncios

Sobre hilam

Ainda em processo de construção humana, mesmo com mais de 40 anos de idade...

Publicado em 25/09/2006, em Poesia. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: